A feijuca do Vitorino está na mesa!

Paleta de Porco à Pururuca

Paulínia-SP: Uma novidade chega às mesas do restaurante Vitorino, de Paulínia, a partir deste mês. Todas às quartas-feiras, até o início de junho, o restaurante servirá uma feijuca executiva e completa, por R$48/pessoa, durante o buffet de almoço. No dia “D” será possível se servir tanto da receita, tal como manda a tradição (com todas as iguarias que conferem seu suculento sabor), quanto versões mais seletivas do preparado: apenas com Calabresa e Paio, ou costelinha de porco e carne seca, por exemplo. Para acompanhar, torresmo, farofa douradinha da Casa, mandioca e banana frita dividem espaço com arroz alvo e solto, caldinho de feijão apimentado na medida, couve à mineira refogada e uma tentadora Paleta de leitoa à pururuca, lentamente assada (foto acima). À frente do banquete e da cozinha do Vitorino, o chef Rafael Machado explica que a escolha do corte de Paleta para acompanhar a feijoada foi pensada com destreza. “A peça suína oferece capa de gordura, suficiente para texturizá-la, porém, a quantidade de carne presente é bem maior, deixando-a fartamente saborosa e um tanto mais leve”, fundamentou. Mas nem só de feijoada vive o almoço da quarta-feira.

Quem prefere receitas alternativas o restaurante servirá, em paralelo, no mesmo buffet, filés de frango grelhados, arroz e feijão preto com temperos cotidianos, além de uma estação completa de saladas com pães caseiros, legumes, verduras, queijos e molhos. A estação de massas do restaurante também permanecerá à disposição de todos com opções preparadas, aos olhos dos clientes. Dá para escolher entre gnocchi, fettuccine ou capellini ao molho Pomodoro, Alfredo ou Bolonhesa. Para fechar os trabalhos de copo e talher sobremesas deliciosas estarão sempre à disposição na estação de doces: por lá frutas frescas e sazonais, além do tradicional pudim de leite da Casa, manjar de coco com ameixas e tortas-mousse são a boa pedida. Importante lembrar que o preço fechado para o buffet não inclui bebidas e taxa de serviço e que o Restaurante Vitorino fica dentro do Vitória Hotel Convention Paulínia; há playground externo para crianças. Reservas e outras informações pelo telefone: 19 3517-8506.

Feijoada à Nossa Moda: versada pelo poeta Vinícius, cantada por Chico a feijoada tornou-se parte da identidade nacional. Em senso comum muitos a associam ao tempo da escravatura, como se a receita fosse proveniente dos hábitos alimentares do período. Porém, a versão ainda é contestada por historiadores que mantêm a indicação de que preparados, com métodos similares à feijoada (misturando vários tipos de carnes, legumes e verduras) seriam, na verdade, milenares, e possivelmente proveniente das regiões mediterrâneas, como o cozido em Portugal, o cassoulet na França e a paella, na Espanha. Outro detalhe é que, no Brasil remoto, a iguaria seria consumida, na verdade, pelas classes abastadas e, só depois de anos a fio, cairia no gosto popular. Será?!